segunda-feira, 18 de novembro de 2013

SERVIU O CHAPEUZINHO?

Arte de Miró

Jamais soube receber presentes. Ou ser amado.

Sim, sou incompetente. Sou um fracasso para acolher afeto. Eu me antecipo para não precisar encarar minha timidez de ser amado. Eu prefiro amar do que ser amado. Posso ser perfeito para planejar surpresas e ser romântico e adivinhar desejos de minha mulher. Mas receber carinho me põe em desespero. Terei que agradecer, como? Terei que agradecer e superar o que me foi dado. Entro numa competição diabólica, numa disputa de vaidades. Para não contrair dívidas amorosas, para não ficar atrás. Não há problema em assumir o papel de credor, sofro horrivelmente na figura de devedor. 

No fundo, acho que não mereço ser amado. E amo o dobro ou o triplo para provar minha tese. Para que o próximo diga: chega!, e se afaste. 

A única festa de aniversário que ganhei em minha infância, nenhum convidado foi. Pedi para a mãe congelar a torta para o próximo ano. Jamais me recuperei do trauma. De ver as cadeiras vazias em torno da mesa repleta de brigadeiros, branquinhos e salgados, preparados ao longo de duas semanas. 

Nada como um trauma para reservar uma mesa no inferno. Não me permitia ser feliz em nenhum aniversário. Sempre boicotava, conspirava, maltratava quem tentava me alegrar. Queria passar a vida inteira tirando proveito do remorso, tirando lucro do coitadismo. A cena da infância vazia e abandonada formava uma fortuna imbatível. Não ser amado é um luxo, é uma maneira de dizer que ninguém presta, que ninguém consegue me contentar, que tenho o direito (e o dever) de ser ranzinza e não respeitar a felicidade alheia. 

Descobri que era um desamador. Até o sábado de meu aniversário de 41 anos. Quando minha mulher Katy preparou uma festa surpresa sem que imaginasse qualquer detalhe e sinal. Cheguei em casa do trabalho e lá estava mais de 40 pessoas gritando, corneteando, aplaudindo no escuro assim que abri a porta. Fui arremessado numa piscina de bolinhas posta dentro do apartamento. Recebi banho de champanhe, de espuma. Havia painéis e balões temáticos do Wolverine, meu heroi predileto. O bolo não durou nem uma hora. Circulei pela festa como se fosse o enterro da mágoa, a cremação das serpentinas. Estava recebendo amor de todos. Ainda encabulado. Ainda assustado. Ainda desconfiado. Mas recebia. Fui recebendo. Fui aprendendo a receber, desajeitado e finalmente espontâneo. A cada conversa, a cada beijo na boca da esposa, a cada brincadeira. 

Vi que o trauma da alegria é maior do que o trauma da tristeza. Muito mais inesquecível. Agora posso emprestar meu nascimento para os outros.

Publicado na Revista IstoÉ Gente
Colunista
Novembro/2013 
Ano 13 Nº 703

7 comentários:

Fabíola Simões disse...

Parabéns pela crônica e pela coragem de se despir de uma maneira que o aproxima tanto de nós. Me identifiquei demais, e achava que era anormal por tanta dificuldade _ ou timidez_ em receber afeto. Texto poético e sensível, parabéns!

Caro Estranho disse...

Há muita gente neste mundo que ainda não está preparada para o afeto. Às vezes, ser amado é mais difícil do que amar. Parabéns.

Clara Lúcia disse...

A gente tem que aprender a receber amor ao longo da vida, mas não depende só da gente. Tbm tenho traumas de amores de infância e isso reflete sim nos dias de hoje.
Parabéns, Fabrício!
Vc merece ser amado sim!

Anônimo disse...

Concordo com a Clara, não depende só da gente. Também prefiro amar e presentear e não sei bem como receber a retribuição. Acredito que seja mais uma missão para nós, pais, ensinar a receber elogios (elogiando), presentes sinceros (presenteando), carinhos gratuitos (acarinhando), críticas (criticando construtivamente).

Anônimo disse...

Meu Jesus Cristo vá aonde R. estiver e faça com que ele
não descanse enquanto não falar comigo S.S., que seja pelos
poderes da terra, pela presença do fogo, pela inspiração do ar,
pelas virtudes das águas, invoco PAI, FILHO E ESPIRITO SANTO.
Pela força do sangue de Cristo derramado na cruz dirija-se ate
onde R estiver nesse momento e a traga até mim S.S.
R que seu espírito se banhe na essência do amor e me
devolva em dobro. Que R. jamais deseje outra mulher e
que ele tenha olhos só para mim S.S. Salve PAI, FILHO E ESPIRITO
SANTO, te peço: Move tudo em meu favor trazendo para mim R.
e pedindo assim: Ar move, fogo transforma, água forma, terra cura,
vai movendo, traga para mim R. de volta o mais rápido possível,
muito apaixonado que dessa vez ele volte definitivamente e me peça
para ficar comigo para sempre. Que R. ame somente a mim S. S
e me faça muito feliz, que seja muito carinhoso comigo, que não consiga
olhar com desejo para nenhuma outra mulher. Que se sinta muito bem
ao meu lado, que sinta minha falta e venha ao meu encontro, e assuma
de vez a nossa relação e me peça para ficar comigo para sempre.
Que hoje ele queira estar comigo, se não estiver que sofra e não
consiga nem conversar, nem comer, nem beber, não sinta alegria
nem desejo de estar com outra pessoa. Que R. venha suplicar
a minha companhia e o meu amor. Que R. sinta minha falta e
não consiga parar de pensar em nós dois juntos, e que não queira
sair a não ser em minha companhia. Assim seja, assim será, assim está
feito. Conheço a força e o poder do PAI, FILHO E ESPIRITO SANTO. Te peço,
atenda o meu pedido. Que R. VENHA PARA MIM , A ME AMAR, não durma se
não tiver ao meu lado, que o corpo dele queime de desejo por mim.
Que R. fique cego para outras Mulheres. Que R. não consiga
fazer sexo com outra Mulher e que se ele tentar fazer, o corpo dele
não agüentará e ele não tocará em ninguém. Que R. deixe de vez de
amar, de abraçar, de beijar outra mulher, e me assuma em seu coração.
Faça com que ele arda de saudade somente em ouvir a minha voz,
ou olhar minha foto, ou pensar em mim (S.S), faça R. sentir
por mim, S.S, um desejo fora do normal, rogo e suplico que me ponha
sobre selo em seu coração. Agradeço por estar movendo tudo a meu favor.
Vou divulgar esta oração crendo que ainda hoje DEUS PAI, FILHO E
ESPIRITO SANTO trará R. para mim S.S Faça que ele se torne meu
ainda hoje, pense em mim e me procure. Ainda que R. resista,
sopre o meu nome S.S no ouvido dele ao ponto dele enlouquecer.
Que ele não consiga parar de pensar em mim, não consiga ficar longe de
mim S.S, pois terá forte desejo de ME AMAR. Que venha manso e me
amando, dizendo que me quer sempre ao seu lado, e me peça para ficar
comigo PRA SEMPRE. Assim seja e assim será. Eu profetizo em nome do
Pai, do Filho e do Espirito Santo que R. vira correndo atrás
de mim S.S, muito apaixonado, pedindo para casar comigo.
Mesmo que tenha que enfrentar toda a sua família.
Confio no poder do nome de JESUS, cada vez que for lida essa oração,
mais forte ela se fará. Estarei publicando esta oração,
pedindo que me conceda o desejo do meu coração: traga R. para mim
S.S, me amando. Sei que o DEUS PAI, FILHO E ESPIRITO SANTO
já esta soprando o meu nome de dia e de noite, e daqui mais um pouco,
ele não conseguirá comer, beber, dormir ou concentra-se em mais nada
se não me procurar e vier ao meu encontro para ficar comigo S.S.
Confio no poder do todo e infinitamente poderoso DEUS PAI, DEUS FILHO,
DEUS ESPIRITO SANTO E NO NOME DE JESUS CRISTO. Vou continuar divulgando
essa oração poderosa. Que assim seja, assim será e assim esta feito.
Amém.

fernanda disse...

Sempre me identifico com vc, com o que vc pensa, sente, escreve, já tive muitos aniversários traumáticos, desde a falta de presentes e de lembrança total de aquela era uma data especial pra mim pq cai beeem no são joão e as pessoas viajam, festejam, bebem e esquecem de mim, e e chegam até a barracos de família no meio da minha festa, a partir daí desisti desse gênero festivo kkkkk, mas parabéns por conseguir ler meus sentimentos tão bem, pq na verdade é vc que me lê e não eu que te leio. Att Fernanda

Eliana Klas disse...

Obrigada.
Acho que hoje eu precisava ler algo assim.
Quem escreve geralmente não imagina até onde irá o que escreve...


"Vi que o trauma da alegria é maior..."