domingo, 8 de janeiro de 2012

SURREALISMO INFORMATIVO NA RÁDIO GAÚCHA

Foto de Nauro Júnior

Na terça-feira, dia 10, o escritor Fabrício Carpinejar, que encheu os olhos dos leitores de ZH com a coluna Beleza Interior ao longo de 2011, estreia oficialmente na Rádio Gaúcha em um bate-papo com os apresentadores Antônio Carlos Macedo e Daniel Scola, sempre às 7h20min de terças, sextas e sábados. O TV Show foi conferir o que Carpinejar pretende aprontar, agora nas ondas do rádio. Confira trechos da entrevista.

Como será a sua participação no programa?
Falarei por telefone, sempre às 7h20min. Minha voz já estará acordada do chimarrão. Levo o filho cedo para escola.

O que você vai comentar?
Farei minicrônicas. Com toda a irreverência da sensibilidade. Abordarei assuntos polêmicos do dia ou trarei novos ângulos para observar a rotina. Posso comentar a nova campanha de redução de velocidade do Detran e o péssimo hábito dos motoristas de disputar com os amigos quem chega primeiro ao Litoral, ou confessar algumas dores e temores. Por exemplo, a cachorra de casa, Cora, ficou surda de repente nesta semana. E tentei enxergar o impasse pelos olhos dela: aposto que a cadela acha que não foi ela que deixou de ouvir, mas nós é que deixamos de falar com ela (pensa que está de castigo, coitadinha). Ainda quero brincar com o comportamento, propor autoescola para quem anda de guarda-chuva, esses surrealismos informativos.

A passagem para o rádio tem relação com este ano em que você se dedicou ao Beleza Interior?
Totalmente. Beleza Interior me conectou ao cenário gaúcho, ao espírito aconchegante das pequenas cidades. Falar é uma generosidade – não podemos desperdiçá-la. Nunca falar por falar, mas falar com gosto, falar dando importância a cada palavra. Quem não seduz o silêncio ficará incomodado de solidão na velhice.

Como tem sido para você esta aproximação com a rotina jornalística?
É o casamento da chuva e do sol, da literatura com o jornalismo. Na verdade, nunca deixei a rotina de jornalista. O jornalismo me conserva a humildade de ouvir – e de não querer ser maior do que a notícia.

Tem mais alguma surpresa sua para o ano de 2012?
Muitas. Conduzirei Miss Cultura (leitura de textos) no interior de São Paulo, em turnê por 10 cidades. Estou organizando um volume de crônicas para maio e devo finalizar um livro de poesia.

Publicado no jornal Zero Hora
Caderno TV Show
TELE TUDO | Anna Martha Silveira
Porto Alegre (RS), 08/01/2012 | N° 16940

3 comentários:

vervedirlass disse...

Carpinejar, estou em contagem regressiva!

Camilla Caetano disse...

Anteciparei meu horário de despertar para te ler com os ouvidos! :)

C. Llorenç disse...

Vou ter que acordar com o notebook ligado!
Sou nova nesse blog, então me perdoe desde já se estou sendo repetitiva, mas queria saber mais sobre essa tal de Miss Cultura no interior de São Paulo.