segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

BROXADA GERA RELACIONAMENTOS LONGOS

Homem jura que perderá a mulher ao broxar. Mas, curiosamente, é broxando uma vez que nunca vai se separar.

A impotência eventual traz longevidade ao casal. Ainda mais nas noites iniciais.

Ele pedirá a mulher em namoro de bate-pronto, na primeira semana. Casará com a mulher sem frescura, já no primeiro mês. Tudo para ela não contar a mais ninguém o que aconteceu. Fará tudo pela relação para manter o segredo intacto. Será submisso e obediente, incansável e compreensivo. Suportará crises, barracos, ciúme, explosões. Encontrará o ponto de equilíbrio digno de Dalai Lama: o olhar infinito e cordial.

A broxada se apresentará como fiador do apartamento a dois. Ele não vai se arriscar a encerrar um romance e sofrer com a boataria. Prefere largar a sua vida de solteiro para manter a reputação.

Quando o homem falha, deixa de ser galinha, Don Juan, Casanova, comedor. Vira automaticamente um sujeito sério, comportado, disciplinado para o amor. Não espiará aos lados, não pulará a cerca.

Sua vulnerabilidade lhe salva da infalibilidade. Como já errou, não terá uma postura arrogante, de cobrar os vacilos dos outros. Nem cogitará a deslealdade. Passará o tempo inteiro lembrando e renovando a dívida de gratidão. Homem que já broxou é fiel. Irreversivelmente fiel.

Já a mulher não largará o flerte que fracassa na cama. Achará o nervosismo honesto e bonito. Julgará o parceiro como sensível, diferente dos antecedentes que apenas queriam sexo. Ao broxar, ele prova que o sexo não é tão importante.

Da mesma forma, ela vai querer ajudá-lo a superar o bloqueio. Oferecerá mais chances, mais disponibilidade, mais oportunidades. Muito mais do que um caso comum e tradicionais paqueras.

Ela assumirá o fiasco masculino como uma missão pessoal, até para se confirmar desejável. Abusará dos artifícios da luz, da trilha sonora, dos figurinos, dos fetiches, disposta a vingar a noite em seco.

Quando o homem broxa, a mulher se desespera em criatividade e ele tem o luxo inigualável de vê-la se matando com todos os seus recursos e artimanhas de sedução.

Homem que broxa é o único a desfrutar de um banquete.

Publicado em UOL em 22/12/2017

Nenhum comentário: